O Instituto do Meio Ambiente de Santa Catarina (IMA) assinou, em outubro de 2018, convênio com a Unisul para a realização de programa de monitoramento em tempo real da qualidade do ar em Santa Catarina, um dos maiores projetos já apresentados no país na área de controle atmosférico.

A princípio, serão instalados 20 sensores divididos nas regiões de Florianópolis, Blumenau, Joinville, Chapecó e Criciúma. Na sequência, as 16 regionais do IMA também vão receber, no mínimo, uma estação de coleta, totalizando mais de 40 módulos em todo o estado.

O projeto consiste em um Sistema de Monitoramento da Qualidade do Ar no Estado de Santa Catarina, composto de hardware e software para coleta de dados em tempo real, com a leitura, transmissão e armazenamento de dados de estações remotas, permitindo a emissão de relatórios e indicadores de Qualidade do Ar em ambiente web.

Os parâmetros coletados nos diversos pontos serão processados e apresentados em forma de relatórios e gráficos na internet. Os dados serão arquivados em banco de dados, possibilitando que as informações sejam comparadas e analisadas por período de tempo.

A utilização dos dados obtidos vai subsidiar a tomada de decisões em diferentes situações como controle de emissões, verificação da qualidade de vida, controles sanitários, monitoramento de tráfego, zoneamento ecológico e econômico, desenvolvimento da indústria e da agricultura, segurança ambiental, entre outros.

A instalação dos equipamentos e a obtenção dos primeiros resultados estão previstas para ocorrer no primeiro semestre de 2019.